Porto de Vila Nova com mais segurança

O Subsecretário Regional das Pescas visitou a empreitada, agora concluída, de estabilização da arriba no porto de pescas de Vila Nova, na ilha Terceira.

Trata-se de duas intervenções, uma em pedra de alvenaria e outra em betão ciclópico, que reforçam a segurança na estrada de acesso ao porto e no próprio porto, uma vez que na zona era frequente registar-se o desprendimento de pedras.

Marcelo Pamplona disse, no local, que esta obra e outra, já acertada com a Junta de Freguesia, para alargamento do terrapleno do porto, se inserem no contínuo melhoramento dos pequenos portos de pesca dos Açores, depois de grandes intervenções que têm vindo a ser realizadas nessa rede, em todas as ilhas.

O objectivo é proporcionar melhores condições de trabalho aos pescadores e, ao mesmo tempo, proporcionar espaços de lazer às populações, fomentando o incremento da relação entre os açorianos e o mar.

Segundo disse o governante, o mar dos Açores tem um potencial económico que é necessário explorar nas várias vertentes, em benefício da economia regional.

A obra agora concluída e a que vai agora iniciar-se no terrapleno do porto de pescas da Vila Nova custam, no conjunto, 60 mil euros.

[twitter style=”vertical” float=”left”][fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”] [fbshare type=”button”]

Pin It on Pinterest