Turismo: Reservas online sem grandes queixas

Nos últimos tempos, o Serviço de Defesa do Consumidor não tem recebido reclamações sobre reservas feitas online.

“Há algum tempo atrás tivemos algumas reclamações relacionadas com a easyJet, por causa do recibo que permite que os madeirenses recebam o subsídio de mobilidade quando viajam entre a Região e o Continente Português. Porém, ultimamente não temos recebido mais reclamações visto que a easyJet já criou na sua página de internet um espaço onde os residentes na Madeira podem pedir o seu recibo”, transmitiu Graça Moniz.

No que toca à marcação de viagens e de hotéis através de agências online, a diretora do Serviço de Defesa do Consumidor referiu que apenas foram efetuadas duas reclamações. “Num volume mensal de cerca de 500 reclamações sobre vários assuntos, duas reclamações é um número pouco expressivo”, apontou.

Graça Moniz transmitiu ainda que neste período do ano o objeto das reclamações incide mais sobre viagens, nomeadamente: atrasos de viagens, perda de bagagens e danificação da bagagem. “De resto, continuam as reclamações do costume, as quais estão relacionadas com as garantias de automóveis e de eletrodomésticos. Também continua a haver muitas reclamações relacionadas com as telecomunicações, principalmente sobre o período de fidelização dos pacotes pagos das operadoras”, indicou.

Aquela responsável apontou, também, que as pessoas procuram muito o Serviço de Defesa do Consumidor sobretudo para pedir esclarecimentos ou informações sobre os seus direitos. “Sentimos que os cidadãos já interiorizaram que têm direitos e, por isso, querem estar informadas sobre os mesmos”, realçou.

Registe-se que, entre 2 de janeiro e 31 de julho de 2012, o Serviço de Defesa do Consumidor recebeu 3488 pessoas. Deste número (3488), 2984 foram pedir informações ou esclarecimentos e 504 foram apresentar reclamações.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”] [fbshare type=”button”] [twitter style=”vertical” float=”left”]

Pin It on Pinterest