Seguro exige explicações à Passos Coelho

O líder socialista quer saber as medidas que o primeiro-ministro vai tomar para cumprir o défice de 4,5%.

O secretário-geral do PS, António José Seguro, desafiou hoje, na Festa da Liberdade, na Fonte do Bispo, o primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, a anunciar quais são as medidas que vai tomar para cumprir a meta do défice de 4,5%, em 2012, e explicar aos portugueses o que falhou.“Desde a Madeira, desafio o primeiro-ministro a explicar o que falhou, a dizer aos portugueses que medidas vai tomar para honrar o compromisso e a mudar a política do que custe o que custar que não está a resolver nenhum dos nossos problemas”, apelou, referindo que a execução orçamental nos sete primeiros meses do ano registou uma quebra de receitas fiscais na ordem dos 3,5% comparativamente ao período homólogo de 2011.

Seguro lembrou que o primeiro-ministro não pode passar os primeiros meses deste ano a dizer que os portugueses têm de honrar o memorando da troika e, depois de tantos sacrifícios pedidos, “é o primeiro a falhar no cumprimento desses objetivos e desse memorando”.

É nesse sentido que o líder do PS considera que Pedro Passos Coelho deve uma explicação aos portugueses. “O Governo falhou e os portugueses cumpriram, a responsabilidade é do primeiro-ministro e do Governo que ele lidera no nosso país”, declarou.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”][fbshare type=”button”] [twitter style=”vertical” float=”left”]

Pin It on Pinterest