“Este rali vai ser muito competitivo”

Mesmo sem pilotos estrangeiros Alberto João Jardim acredita que o Rali Vinho Madeira vai dar luta.

unnamed (1)O presidente do Governo Regional, Alberto João Jardim, afirmou esta tarde à margem da visita ao secretariado e aos diversos sectores do Rali Vinho Madeira, no Madeira Tecnopolo, que a edição deste ano vai ser muito competitiva.

“Devo dizer que vai ser muito competitivo este ano. É muito difícil apostar em qualquer favorito porque quando tínhamos duas ou três vedetas com carros com os quais os portugueses não podiam competir era fácil apostar porque era só num dos três que se apostava. Agora dizem-me que há muita gente com capacidade para poder ganhar o rali”, declarou.

Questionado sobre o facto do Rali Vinho Madeira poder voltar ao Europeu o governante considerou que, efetivamente, gostava que isso acontece-se, contudo salientou que enquanto houver “mercantilização do desporto” isso não vai acontecer.

E deu um exemplo, “neste momento há muitos locais pelo mundo fora que pagam à Federação Internacional para se fazer aí o rali. A isso chamo mercantilização. Obviamente, que as federações internacionais precisam de reservas para manter as suas atividades mas se agora entramos nesse campo é difícil. Isto é um pouco como a Madeiras não ter a possibilidade de contratar o Real Madrid para vir aqui fazer os jogos. É exatamente a mesma filosofia aplicada ao Rali Vinho Madeira”, rematou.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”][fbshare type=”button”] [twitter style=”vertical” float=”left”]


PUB