Sector do Vinho Madeira “vive um bom momento”

O Governo vai reforçar os apoios ao sector, nomeadamente com a majoração da ajuda ao envelhecimento do Vinho Madeira.

m antonioO secretário regional do Ambiente e dos Recursos Naturais participou, esta manhã, na Festa das Vindimas no Estreito de Câmara de Lobos. Na ocasião falou sobre a importância do sector do Vinho Madeira para a economia regional e garantiu aos agricultores o escoamento da produção.

“O sector do Vinho Madeira vive um bom momento. Tem tido boas produções de uvas, todas escoadas, e mais uma vez quero reiterar o nosso compromisso, em articulação com as casas comerciais, de assegurar o escoamento total da produção que cumpra os requisitos para isso”.

Manuel António Correia deu conta de um crescimento expressivo que atinge os “12% em quantidade e os 11% em valor” e acrescentou que é intenção do Governo reforçar os apoios ao sector, nomeadamente com a majoração da ajuda ao envelhecimento. “Que até aqui tinha um limite de um milhão e duzentos mil litros por ano e que a partir deste ano passa a um milhão e quinhentos mil litros por ano”.

A Festa das Vindimas regista cada vez mais participação, o que é representativo também da “excelente” articulação entre a agricultura e o turismo, observou o governante. Esta edição contempla um programa de atividades culturais, gastronómicas e etnográficas inspiradas no universo da vitivinicultura através do qual é pretendido alavancar a notoriedade e o prestígio da freguesia e dos vinhos ali produzidos.

Um dos pontos altos é o Cortejo da Vindima, onde participam grupos folclóricos, homens transportando cestos com uvas e borrachos e entoando charambas e bailinhos, acompanhados de rajões, machetes e braguinhas.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”] [fbshare type=”button”]

Pin It on Pinterest