Líder do PS-M defende novo ordenamento florestal

Carlos Pereira, o líder do Partido Socialista na Madeira (PS-M), visitou na terça-feira os locais mais atingidos pelos incêndios no Funchal, uma iniciativa em que foi acompanhado pelos presidentes de juntas de freguesia socialistas, deputados à Assembleia Legislativa Regional da Madeira (ALRAM), deputados municipais na Câmara Municipal do Funchal e dirigentes do PS e da Juventude Socialista da Madeira (JS-M).
Na ocasião, o presidente do PS-M agradeceu o empenho das entidades públicas e privadas que contribuíram para que o desfecho dos incêndios no Funchal não tenha sido “ainda pior”, destacando “o trabalho dos bombeiros e o espírito de entreajuda das populações que, de alguma forma, mitigaram a visível falta de meios”. O papel da CMF na forma de lidar com os fogos também foi destacado por Carlos Pereira, nomeadamente com referência ao trabalho efectuado pelo presidente da autarquia, Paulo Cafôfo.
Segundo Carlos Pereira, há empenho do PS-M no tocante à articulação com o Governo da República no sentido de serem encontradas soluções que possibilitem o regresso à normalidade. O líder socialista madeirense enfatizou também a necessidade da revisão dos instrumentos de gestão territorial, nomeadamente POTRAM, POC, PDM e outros que possam viabilizar “um novo ordenamento urbanístico e florestal, por forma a que catástrofes como estas não se repitam a bem das populações e da imagem da Madeira enquanto destino turístico”. RJS

One thought on “Líder do PS-M defende novo ordenamento florestal

  • 5 Setembro, 2016 at 18:25
    Permalink

    A desgraça alheia é sempre um bom coadjuvante eleitoralista.

Comments are closed.

Pin It on Pinterest