Taxa de juro e prestação média continuam em queda

Em julho de 2016, a taxa de juro implícita no crédito à habitação, na Região, fixou-se em 1,029%, registando um decréscimo de 0,020 pontos percentuais (p.p.) face ao mês anterior (1,049%).
“O valor médio da prestação vencida para o conjunto dos contratos de crédito à habitação diminuiu para 267 euros, tendo os juros se fixado em 51 euros (menos 1€ que em junho) e a amortização nos 216 euros (mesmo valor do mês anterior)”, apontam os dados publicados pela Direção Regional de Estatística da Madeira (DREM).
Registe-se também que, segundo a DREM, o montante do capital médio em dívida para os contratos de crédito à habitação  aumentou para 59 223 euros.
“A nível nacional, e no conjunto dos contratos de crédito à habitação, a taxa de juro implícita situou-se em 1,066%, inferior em 0,023 p.p ao observado em junho. A prestação média vencida para a globalidade dos contratos foi 238 euros (igual ao mês anterior)”, salienta a DREM. J.T.

Pin It on Pinterest