Facebook deu dados inflacionados aos seus anunciantes

A rede social Facebook deu aos seus anunciantes dados inflacionados sobre o tempo que cada utilizador passa a ver vídeos na sua plataforma, o que poderá ter contribuído para a popularidade do seu suporte publicitário.

O problema, noticiado pelo «The Wall Street Journal», refere-se à contagem, ao longo de dois anos, apenas de pessoas que visualizaram vídeos durante mais de três segundos e não considerou os utilizadores que não viram o vídeo ou assistiram apenas às imagens por um período mais curto de tempo.

“O erro já está resolvido”, disse a administração da empresa.

O problema tinha sido reconhecido há já algumas semanas, notificado aos clientes e “não tem impacto nas contas”, garantiu a companhia num comunicado divulgado ontem. Mas alguns anunciantes já pediram mais informações sobre este problema, refere o «The Wall Street Journal».

A rede social, com mais de 1.700 milhões de utilizadores no mundo, apostou na publicidade agregada a vídeos como um dos motores de crescimento das suas receitas.

O Facebook viu a cotação das suas acções subir 24% este ano.

Pin It on Pinterest