“DAR A VER” termina com uma visita guiada

No próximo sábado, dia 15 de Outubro, a partir das 15 horas, termina a primeira edição do DAR A VER, um projeto cultural da responsabilidade da Secretaria Regional da Economia, Turismo e Cultura, através da Direção Regional da Cultura (Direção de Serviços de Museus e Património Cultural). Para encerrar esta primeira edição do Dar a Ver será promovida uma visita guiada ao Museu de Arte Sacra, sobre o tema: “A ourivesaria nas coleções do Museu de Arte Sacra do Funchal”. A visita será orientada por Francisco Clode de Sousa.

Nesta iniciativa, Francisco Clode de Sousa dará a conhecer a excecional coleção de ourivesaria Manuelina, situada cronologicamente nos inícios do século XVI. Considerada muito rara e de valor patrimonial altíssimo, provém, na maioria dos casos, do designado Tesouro da Sé do Funchal. Esta ourivesaria (Manuelina) espelha bem as circunstâncias económicas, sociais e culturais do Portugal da expansão universal. Balizada inicialmente pelo gótico final, ganhará personalidade na inclusão do mundo novo que o renascimento peninsular soube trazer.

Serão ainda comentadas outras peças dos séculos XV, XVII e XVVIII, que revelam o cariz central da coleção do Museu no estudo da ourivesaria portuguesa.

Recorde-se que o projeto DAR a VER, que teve início em janeiro do corrente ano, tem por base a ideia da divulgação, de forma gratuita, do património artístico existente no arquipélago da Madeira. A DRC entende que, para além dos trabalhos de investigação, classificação e conservação e restauro, é essencial proceder-se à divulgação e ao conhecimento de um vasto e diversificado conjunto de bens móveis e imóveis postos à guarda de todos os madeirenses, e que constituem uma essencial reserva de identidade cultural. Ao longo do ano foram convidados vários especialistas, locais e nacionais, que abordaram e abordarão de forma mais específica ou generalista aspetos dessa imensa diversidade cultural conservada in situ, ou já transitada para museus. O essencial do programa foi constituído por visitas guiadas e por conferências que se realizaram em vários locais, tendo sido muito procurado por pessoas de todas as idades: as sete iniciativas já realizadas até à data contaram com um total de aproximadamente um milhar de participantes.

participação na iniciativa é livre mas carece de inscrição prévia através do email daraver.drc@gmail.com .

Pin It on Pinterest

Advertisment ad adsense adlogger