Polícia Judiciária deteve seis suspeitos de prática reiterada de crimes graves

A Polícia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal de Leiria, no âmbito de inquérito titulado pelo DIAP da comarca de Santarém, desencadeou uma operação que culminou com a localização e detenção de seis homens presumíveis autores de crimes de extorsão, furto qualificado, detenção de armas proibidas, tráfico de estupefacientes, resistência e coação sobre funcionário, ofensa à integridade física e ameaça.

Ao longo de mais de um ano, os detidos atuaram relacionados entre si com um comum fim difuso da prática de crimes, tendo, nesse contexto, incutindo temor generalizado entre as populações da região de Entroncamento e Torres Novas, nomeadamente comerciantes e pessoas com maior capacidade económica.

Com recurso a violência ou ameaça com mal importante, obtiveram enriquecimento ilegítimo mediante constrangimento das vítimas a disposições patrimoniais que ascendem, na globalidade, a dezenas de milhares de euros.

Para além disso, alguns elementos do bando protagonizaram repetidos atos de violência contra agentes e instalações de autoridade pública.

No decurso da ação policial foi localizada uma menor que se encontrava desaparecida de instituição de acolhimento desde o passado mês de julho.

Os detidos, com idades compreendidas entre os 20 e os 47 anos, sem ocupação profissional definida, todos com antecedentes policiais e criminais, serão presentes às autoridades judiciárias competentes para primeiro interrogatório judicial e aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.

Pin It on Pinterest