Obama vai tomar medidas contra ataques da Rússia

O Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, disse hoje que o seu Governo “vai tomar medidas” contra a Rússia na sequência de alegados ataques informáticos ocorridos durante as eleições para a Casa Branca com o objectivo de interferir nos resultados.
“Se um governo estrangeiro, seja ele qual for, tenta afectar a integridade das nossas eleições, precisamos de agir”, disse Obama numa entrevista à rádio pública norte-americana NPR. “E nós vamos [fazê-lo], no momento e lugar em que decidamos.”

Os serviços de informação dos Estados Unidos acreditam que o Presidente russo, Vladimir Putin, está pessoalmente envolvido no caso da pirataria informática que marcou as eleições Presidenciais dos Estados Unidos de 08 de Novembro.
Entretanto, o porta-voz do Kremlin, Dmitri Peskov, já veio a público para considerar que as declarações da Casa Branca acusando a Rússia de ter perturbado a eleição presidencial norte-americana com a ajuda de piratas informáticos são “indecentes”.

Pin It on Pinterest