Fuzileiros testam padrões de prontidão

A Força de Fuzileiros nº3 (FFZ3) realiza, durante esta semana, um treino de manutenção dos padrões de prontidão operacional, na área de Pinheiro da Cruz e Península de Tróia, visando a condução de operações de amplo espetro, com incidência no treino anfíbio.

O treino da FFZ3 comporta operações ribeirinhas e desembarques em costa aberta, tiro de combate e luta anti-carro em apoio às operações em que pode ser empregue.

Com uma elevada prontidão para ser projetada em qualquer região ou cenário de conflito onde se exija a condução de operações militares, tanto num quadro de segurança cooperativa como de defesa coletiva, ou em apoio à diáspora, esta força de Fuzileiros garante a Portugal uma resposta imediata e credível, respeitando os compromissos assumidos no âmbito das várias alianças que também integra.

A Força de Fuzileiros nº3 participou, no último semestre, em dois exercícios internacionais, o EMERALD MOVE na Sardenha e o GRUFLEX em Espanha, ambos integrados num Batalhão Espanhol, tendo sido reconhecida pelas forças congéneres pela forma como cumpriu a missão que lhe foi atribuída.

Pin It on Pinterest