Manifestantes atiram-se ao Rio Guaire para fugir das bombas de gás lacrimogéneo

Continuam hoje as manifestações nas ruas da Venezuela sob um clima de grande tensão. Quando Capriles se aproximava, com as mãos para cima, da barreira com que os militares bloqueavam a passagem na autoestrada Francisco Fajardo, recebeu uma chuva de bombas de gás lacrimogéneo. Vários manifestantes fugiram, jogando-se nas águas poluídas do rio Guaire.

Recorde-se que os atos praticados nesta quarta-feira provocaram episódios de violência em todo o país, causando várias mortes.

 

Pin It on Pinterest