Facebook começa a produzir séries e programas de televisão

O Facebook começou a produzir séries e programas de televisão. E quer transmiti-las mesmo na rede social. Vai alinhar, assim, numa tendência a que já aderiram algumas grandes companhias da Internet, concorrendo com a Netflix ou a Amazon.

A confirmação foi dada pelo Facebook à AFP, na sequência de uma reportagem do Wall Street Journal, que dava conta de que aquela rede social estava em conversações com estúdios de Hollywood e agências, para entrar na corrida às séries e programas televisivos.

A plataforma tem, atualmente, quase 2 mil milhões de utilizadores mensais (1,94 mil mihões no final de março), pelo que público é algo que, à partida, não lhe falta.

O projeto abrange “um pequeno grupo de parceiros e criadores”, segundo diz Nick Grudin, vice-presidente das parcerias de media para o Facebook, num comunicado enviado à AFP.

Para já, os programas estão a ser financiados diretamente pelo Facebook, mas a estratégia tem ramificações. “Com o tempo, queremos ajudar muitos designers a fazer vídeos financiados por um sistema de partilha de receitas como o Ad Break”, ferramenta de software que permite introduzir publicidade nos conteúdos difundidos pela rede social.

Pin It on Pinterest