Cristiano Ronaldo dispensado da Seleção

O Presidente da FPF e o Selecionador Nacional foram informados antes da Taça das Confederações pelo capitão da Seleção Nacional, Cristiano Ronaldo, que este tinha sido pai.

O atleta, apesar do nascimento dos filhos, fez questão de ficar ao serviço da Seleção Nacional, num gesto que devemos sublinhar e enaltecer.

O Presidente da FPF e o Selecionador Nacional entendem que, na impossibilidade de chegar ao objetivo de vencer a Taça das Confederações, devem libertar o atleta para que este possa, finalmente, ir conhecer os seus filhos.

Pin It on Pinterest