Taxa de juro do crédito à habitação aumenta na Madeira

Em julho de 2017, a taxa de juro implícita no crédito à habitação, na Região, fixou-se em 0,968%, registando um acréscimo de 0,001 pontos percentuais (p.p.) face ao mês anterior (0,967%).

“O valor médio da prestação vencida para o conjunto dos contratos de crédito à habitação manteve-se para 269 euros, tendo os juros se fixado em 48 euros e a amortização nos 221 euros (mesmos valores que em junho 2017)”, revelam os dados divulgados pela Direção Regional de Estatística da Madeira (DREM).

Os dados da DREM indicam, ainda, que o montante do capital médio em dívida para os contratos de crédito à habitação caiu para 59 343 euros (59 515 euros em junho).

“A nível nacional, e no conjunto dos contratos de crédito à habitação, a taxa de juro implícita situou-se em 1,009%, superior em 0,002 p.p. ao observado no mês precedente (1,007%). A prestação média vencida para a globalidade dos contratos aumentou para os 238 euros”, aponta a DREM.

Pin It on Pinterest

Advertisment ad adsense adlogger