Detenção por crime de abuso sexual de pessoa incapaz de resistência

A Polícia Judiciária, através da Diretoria de Lisboa e Vale do Tejo, identificou e deteve um homem, de 40 anos de idade, por fortes indícios da prática de crime de abuso sexual de pessoa incapaz de resistência.

A vítima, uma menina de 14 anos com défice cognitivo, é conhecida do presumível autor, com quem tem, também, uma relação familiar.

O detido foi presente a primeiro interrogatório judicial, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva.

Pin It on Pinterest