Governo mantém medida de apoio à recuperação de habitação degradada

O Governo dos Açores atribuiu ontem apoios à recuperação de habitação degradada e habitação afetada por térmitas destinados a 27 famílias dos concelhos de Angra do Heroísmo e Praia da Vitória, num investimento público de cerca 340 mil euros.

A Secretária Regional da Solidariedade Social, que presidiu à cerimónia, destacou a intenção do Executivo Açoriano de “continuar com esta tipologia de apoios e, sempre que possível, reforçá-la.”

Andreia Cardoso considera “fundamental” a aplicação de critérios, assim como a fiscalização do fim a que se destinam os apoios, na redistribuição de verbas resultantes dos impostos pagos por todos os Açorianos, lembrando que estes apoios não envolvem quaisquer montantes provenientes de fundos comunitários, sendo exclusivamente suportados pelo Orçamento da Região.

“Neste papel do Governo Regional, de redistribuir aquilo que são recursos públicos e que, portanto, resultaram da receita dos impostos de todos e cada um de nós, é fundamental que tenhamos critérios, na atribuição e na componente de fiscalização do fim a que se destinam”, frisou a secretária regional.

Os apoios atribuídos abrangem 80 pessoas de 13 freguesias dos concelhos de Angra do Heroísmo e Praia da Vitória, investimento este que vai permitir uma melhoria das condições de segurança e conforto habitacionais dos agregados beneficiados, contribuindo, concomitantemente, para melhorar, ainda mais, o estado de conservação do parque habitacional da ilha.

Pin It on Pinterest