Médio Tejo desenvolve programa de rastreios de visão e de audição

A comunidade Intermunicipal do Médio Tejo desenvolveu o projeto “Promoção do Sucesso Escolar no Médio Tejo – A Correção de Problemas de Acuidade Visual e Auditiva”, de forma a encontrar soluções efetivas para alguns dos múltiplos problemas que condicionam ou promovem os sucessos e os insucessos das crianças.

A iniciativa consistiu na realização de rastreios que possam identificar e corrigir eventuais problemas de acuidade visual e auditiva nas crianças, suscetíveis de interferirem negativamente no processo de aprendizagem. No âmbito da saúde foi decidido dar especial relevância a fatores que desde há muito estão identificados como determinantes do insucesso escolar, nomeadamente a visão e a audição.

Desta forma, uma equipa de técnicos especializados (optometristas e audiologistas) deslocaram-se aos jardins-de-infância da região, numa unidade móvel cedida pelo ACES do Médio Tejo, promovendo o tratamento e a reabilitação.

Esta ação contou com o envolvimento da ACES do Médio Tejo, Centro Hospitalar do Médio Tejo, Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo, Unidade Local de Saúde de Castelo Branco, Direção de Serviços de Educação da Região Centro, Direção de Serviços de Educação da Região de Lisboa e Vale do Tejo e dos treze Municípios integrantes desta Comunidade Intermunicipal.

Para mais informações sobre o projeto consulte o relatório do projeto Promoção do Sucesso Escolar no Médio Tejo – A Correção de Problemas de Acuidade Visual e Auditiva referente ao ano letivo 2016/2017.

Pin It on Pinterest