Cerveja ‘Plantageneta, da Oitava Colina apresentada esta sexta-feira na Madeira

A obra colaborativa entre a Oitava Colina, a Justino’s Madeira Wines S.A e a Vilhoa – Craft Beer Dealers é apresentada esta sexta-feira, dia 3 de Novembro, na Madeira e no Porto.

O Diogo e o Eduardo, da Vilhoa – Craft Beer Dealers, da Madeira, são apaixonados por cerveja e tinham a Oitava Colina como uma das cervejeiras de eleição. Lançaram-se ao mar e vieram bater à porta da fábrica da Graça para uma colaboração inédita: criar uma receita de Barley Wine e deixá-la envelhecer em barricas de Malvasia. Seis meses depois, eis que nasce a Jorge Plantageneta, uma encorpada e licorosa colaboração entre a Cerveja Oitava Colina, Justino’s Madeira Wines S.A e a Vilhoa – Craft Beer Dealers. É uma cerveja que quebra vários preconceitos: pode ser uma cerveja reconfortante, complexa, para bebericar calmamente, quem sabe no inverno, com a lareira ou partilhar com amigos.

A beber com calma e com mente aberta. E porquê um nome aristocrata? “Jorge Plantageneta, Duque de Clarence, foi condenado à morte por conspirar contra o seu irmão, o Rei, e escolheu morte por afogamento em barricas de vinho Madeira de casta Malvasia. Esta é a nossa homenagem ao Duque”, explica Pedro Romão, um dos sócios da marca de cerveja artesanal.

Com cor avermelhada, boa fruta, que faz lembrar um licor, mas depois perde o doce e transforma-se numa nota amarga, a nova cerveja da Oitava Colina conseguiu tirar o sabor da barrica, da mistura do vinho e resultou numa cerveja fresca, frutada e com corpo. Com 11,5% abv, Jorge Plantageneta envelheceu três meses nas barricas de Madeira e mais três meses em garrafa, estando agora no ponto certo para o provarem.

O lançamento acontecerá simultaneamente na Justino’s Madeira Wines, na Madeira e no Catraio, no Porto, a partir das 19 horas.

Pin It on Pinterest