“Momentos recompensadores”

Duas famílias com carências graves, a residir no Concelho do Funchal, viram agora um desejo ser realizado, tendo-lhes sido entregue novas moradias.

A entrega das chaves das novas habitações foi assinalada pelas mãos do Presidente da Câmara do Funchal, Paulo Cafôfo, que enalteceu, na ocasião, o “esforço que o atual Executivo tem feito neste capítulo, com um trabalho muitas vezes invisível, no sentido de requalificar o parque habitacional da autarquia, através de investimentos diversos, de cariz económico e social, e de uma gestão muito presente, capaz de criar este tipo de oportunidades”, considerando que momentos como este “são verdadeiramente recompensadores e deixam patente o lado mais humano da política”.

O atual Executivo criou, pela primeira vez na História da Autarquia, um regulamento que veio definir os critérios para a atribuição de habitação social no Município e, desde 2013, já foram atribuídas cerca de 60 novas moradias a famílias do concelho. Consoante as vagas que vão surgindo no parque habitacional existente, os critérios para atribuição variam desde a degradação da respetiva habitação, até à condição socioeconómica dos munícipes, com peso para casos de doença crónica desabilitante, idade avançada ou violência doméstica, entre outros. A transparência dos critérios e de todo o processo permite que hoje em dia exista uma ordenação verdadeiramente rigorosa das pessoas que aguardam por uma habitação, na credibilização que se exige a uma boa gestão pública”.

O momento contou também com a presença da Vereadora Madalena Nunes, que tem o pelouro da Habitação Social na Autarquia.

Pin It on Pinterest