Caso confirmado no Funchal: pessoa infetada trabalha em Câmara de Lobos

A Vice-Presidente do IASAÚDE, Bruna Gouveia, acaba de afirmar, referente ao caso positivo no Funchal, foi de transmissão local. Ou seja, trata-se de uma pessoa que não viajou, que permaneceu sempre na Região nos últimos meses. É residente no Funchal mas trabalha no atendimento ao público em Câmara de Lobos.

Bruna Gouveia deixa a garantia de que, neste caso, está sendo feita identificação de todos os contactos e o percurso feito de propagação.

«Estamos na fase de pesquisa da origem da transmissão», afirma a Vice-Presidente do IASAÚDE.

Pin It on Pinterest