Vinho Madeira: mercado japonês cresceu 14% em valor

Especialistas em vinhos, oriundos do Japão, estão de visita à Região Autónoma da Madeira.

O mercado japonês é, neste momento, o maior importador de Vinho Madeira fora da Europa. Mas a Secretaria Regional do Ambiente e dos Recursos Naturais, através do Instituto do Vinho, do Bordado e do Artesanato, pretende aumentar o volume de vendas.

E a este propósito encontra-se, na Madeira, um grupo de jornalistas e ‘sommeliers’ japoneses especialistas em vinhos, no âmbito do projeto: “Ações de Informação e Promoção do Vinho Madeira”.

“Fora da Europa é o principal mercado e é um mercado que, em 2011, apesar dos acidentes naturais que ocorreram no Japão, registou um aumento em valor de 14%. Em termos de quantidade foi basicamente igual, o que quer dizer que estão a preferir produtos de maior valor acrescentado e de maior qualidade”, referiu Manuel António Correia.

Trata-se, feitas as contas, de um milhão e trezentos mil euros. E, por isso, a importância destas iniciativas que levam a mensagem, levam a qualidade dos nossos produtos, aos principais exportadores.

“Depois desta experiência na Madeira vão ter, naturalmente, uma comunicação mais conhecedora. Pensamos nós que, com ações como estas, aumentamos as vendas e dinamizamos o sector, podendo depois distribuir mais dinheiro aos produtores de uvas”, observou o governante.

Yoshiko Akehi, jornalista e escritora, reconhecida no trade vínico japonês, destacou o trabalho regional ao nível da produção de vinho, com destaque agora para os vinhos de mesa, bem como a evolução ao nível das infraestruturas.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”]

Pin It on Pinterest