Exame rápido ajuda a evitar complicações cardiovasculares [VÍDEO]

Está a decorrer, no Largo do Chafariz, um rastreio gratuito da Sociedade de Angiologia e Cardiologia Vascular.

A Sociedade Portuguesa de Angiologia e Cardiologia Vascular promove hoje, até às 18h, no Largo do Chafariz, concelho do Funchal, um rastreio inserido no programa de rastreio nacional: “A Aorta não avisa – Rastreie pela sua vida”.

Trata-se de uma iniciativa dirigida a toda a população, a partir dos 65 anos, com especial destaque para as pessoas que apresentam fatores de risco, como sejam: sexo masculino, aterosclerose, colesterol elevado, hipertensão, doença cardiovascular ou familiar com aneurisma na aorta abdominal.

José França, médico especialista em cirurgia vascular, sublinhou que o procedimento (uma ecografia e consulta médica) é muito rápido e que, por isso, as pessoas não devem ficar preocupadas. Pelo contrário, através deste exame, é possível evitar futuras complicações cardiovasculares.

«Se estiver tudo bem, está tudo bem, mas se forem detetadas algumas anomalias encaminho as pessoas para o médico de família ou, dependendo da gravidade, para a especialidade”. De qualquer modo, todos os submetidos levarão para o médico de família uma carta com a indicação do resultado do exame.

Na Região Autónoma da Madeira, local onde termina esta iniciativa de âmbito nacional que percorreu várias regiões do país, são esperados cerca de 150 participantes. «Isto a avaliar pelo que aconteceu em outras grandes cidades do país”, referiu o responsável.

Os presentes no local mostravam-se satisfeitos com a iniciativa, não apenas pelos benefícios para a saúde, mas por ser de caráter gratuito, o que nesta altura de crise é de grande importância. A ideia deveria ser alargada mesmo a todo o tipo de doenças, porque sempre ajuda «a sensibilizar as pessoas para estas problemáticas».

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”] [fbshare type=”button”]

Pin It on Pinterest