PCP critica retrocessos na área da saúde

Edgar Silva diz que a mentira gratuita de Alberto João Jardim “está a imperar”.

O PCP/MADEIRA esteve esta manhã na freguesia de Água de Pena, concelho de Machico, para abordar os retrocessos do Governo Regional (GR) nas políticas da saúde. O deputado Edgar Silva foi o porta-voz da iniciativa e declarou, na ocasião, que o GR está a tomar uma série de medidas que foram conquistas sociais por parte do povo madeirense ao longo da história da autonomia.

“Algumas conquistas sociais do povo estão agora a ser desmanteladas pelo governo de Alberto João Jardim. Como este centro de saúde, aqui no bairro dos pescadores, que foi desativado recentemente”, afirmou o parlamentar comunista, acrescentando que o que está a acontecer é que os progressivos retrocessos do governo “põem em causa direitos fundamentais num sector onde, como é o caso das saúde, o que está em causa é o futuro do desenvolvimento humano e social da RAM”.

Edgar Silva relembrou também a questão das taxas moderadoras para dizer que “o jardinismo jurou sempre a pés juntos que não teríamos taxas moderadoras e elas aí estão, em marcha, no terreno, e também fica claro como a mentira gratuita está a imperar. Porque o jardinismo tendo jurado a pés juntos que um conjunto de serviços não seriam desativados e está a acontecer precisamente o contrário”, lamentou o parlamentar comunista.

 [fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”] [fbshare type=”button”] [twitter style=”vertical” float=”left”]


PUB