CDS defende reunião entre Jardim e Passos Coelho

O objetivo é esclarecer o atraso na transferência das verbas do empréstimo relativo ao Plano de Ajustamento Financeiro.

José Manuel Rodrigues considera urgente haver uma reunião entre o presidente do Governo Regional e o primeiro-ministro, tendo em vista esclarecer o eventual atraso na transferência das verbas do empréstimo relativo ao Plano de Ajustamento Financeiro da Madeira.

“É tempo, entende o CDS, de o senhor presidente do governo pedir uma reunião com o senhor primeiro-ministro no sentido de esclarecer, de uma vez por todas, o que é que se passa à volta da transferência das tranches dos mil milhões de euros que o Estado vai emprestar à Região durante o ano de 2012”, apontou o líder do CDS/PP hoje no Porto Santo, ilha onde os centristas realizaram este fim-de-semana a iniciativa política denominada “Ao encontro dos cidadãos”.

Rodrigues reforçou, ainda, que “não podemos continuar com esta situação em que o Governo Regional, as câmaras e os institutos públicos devem às empresas, levando-as à falência, ao aumento do desemprego e ao agravamento da situação económica e social da nossa terra”.

O presidente dos centristas madeirenses anunciou também que o CDS já “interrogou” o ministro das Finanças sobre o atraso na vinda do dinheiro do empréstimo do Estado à Região. “Até agora não recebemos resposta. Já interrogamos também o senhor secretário regional das Finanças que se mete em copas”, concluiu.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”] [fbshare type=”button”] [twitter style=”vertical” float=”left”]

Pin It on Pinterest