Nada menos que “casa cheia”

Bares concorrem com o Parque de Santa Catarina. As expectativas estão em alta para o jogo de Portugal.

 

Portugal joga hoje, pelas 19h45, mais uma etapa decisiva no Euro 2012. Apenas a vitória interessa frente à seleção da República Checa.

Os espaços de restauração voltam a confiar nos jogadores portugueses para garantir uma “casa cheia”. Uma realidade que se tem verificado nos embates anteriores. Mas, um pouco por todo o lado, a concorrência é grande.

Luís Filho, funcionário no restaurante Grand Brasa, na zona da Ajuda, confessa que os jogos de futebol têm sido excelentes para o negócio. “No domingo passado tivemos a esplanada cheia para ver jogar o Ronaldo. Temos clientes habituais para assistir aos jogos e amanhã não vai ser diferente”.

Também no FX Bar, localizado numa zona central do Funchal, todas as oportunidades são aproveitadas para rentabilizar. O Euro 2012 traz sempre mais dinâmica. O espaço exterior é convidativo e, para além dos jogos da Seleção Portuguesa, muitos estrangeiros procuram a esplanada para ver jogar as seleções dos seus países.

Ainda assim, apesar de terem uma boa casa, o Parque de Santa Catarina apresentou-se este ano como um concorrente de peso. No Café Funchal, conforme explica Marisol Gonçalves, nota-se “uma quebra na procura”. O horário do jogos também teve alguma implicação. “Às 19h45, o Funchal começa a ficar deserto”.

Refira-se que o jogo Portugal – República Checa está marcado para as 19h45, no Estádio Nacional de Varsóvia. Ambas as equipas entraram a perder no Campeonato Europeu de Futebol, mas nos seguintes jogos conseguiram assegurar a passagem aos quartos-de-final. Portugal e República Checa defrontaram-se por duas vezes no seu historial.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”] [fbshare type=”button”][twitter style=”vertical” float=”left”]

Pin It on Pinterest