República ‘está a roubar’ a Região

Razão pela qual, a CDU defende que o parlamento regional deve apresentar uma moção de censura ao Governo da República.

Edgar Silva quer que a Assembleia Legislativa se associe à moção de censura ao Governo da República. A referida moção, da autoria do PCP, vai ser discutida pelos deputados da Assembleia da República na próxima semana.

Na opinião do deputado comunista, a atuação do Governo da República para com os madeirenses justifica a associação à referida moção de censura. Nesse sentido, a CDU entregou esta tarde, na Assembleia Legislativa, um voto de protesto que propõe que o parlamento madeirense se associe à dita moção.

“É preciso protestar contra as injustas políticas do Governo da República que afetam o conjunto dos portugueses. Mas nós aqui interessa-nos particularmente as medidas que afetam diretamente quem reside na Madeira e que são razões suficientes para que o parlamento regional se associe à censura pública e política ao Governo da República”, apontou Edgar Silva.

O deputado da CDU deu como exemplo o facto do Governo da República “estar a ganhar dinheiro à custa dos madeirenses”, uma vez que está a cobrar 650 milhões de euros referentes aos juros pelo empréstimo referente ao Plano de Ajustamento Financeiro da Madeira.

“Esta situação é de todo vergonhosa e intolerável do ponto de vista político. Por isso, consideramos que seria um marco politicamente muito relevante o parlamento regional poder votar uma censura pública e política contra o Governo da República, envolvendo o PSD e o CDS”, reforçou Edgar Silva.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”] [fbshare type=”button”] [twitter style=”vertical” float=”left”]

Pin It on Pinterest