Oposição não viu entrevista de Jardim

A maioria dos partidos com representação parlamentar não viu a entrevista do presidente do Governo Regional, emitida ontem pela RTP Madeira.

“Não vi, não vejo e não pretendo ver entrevistas do dr. Alberto João Jardim, porque é um homem fora do tempo e que já não conta para o futuro da Madeira. Portanto, a Região precisa de gente nova, novos protagonistas, precisa de mudanças políticas, ruturas políticas e o Alberto João Jardim é o passado”, afirmou Carlos Pereira, líder da bancada socialista.

Roberto Vieira, do MPT, foi dos poucos deputados que viram na íntegra a entrevista do presidente do executivo madeirenses na RTP M. “O dr. Alberto João Jardim neste momento tenta tapar o sol com uma peneira. É evidente que ele tem uma posição em relação à Madeira e à Autonomia, mas a situação a que a Região chegou é da exclusiva responsabilidade do PSD e do dr. Alberto, que têm governado com uma maioria absoluta”, vincou.

Embora não tivesse assistido à entrevista, Lino Abreu não poupou críticas ao presidente do Governo Regional, denunciando “que foi ele” quem levou a Madeira “a um colapso financeiro” devido à “sua má governação”.

O deputado do CDS reiterou, ainda, para a necessidades de haver uma renegociação do Plano de Ajustamento Financeiro da Madeira. “É preciso um plano B, porque o ‘plano criminoso’ que está em execução só vai conduzir à morte do tecido empresarial e ao acentuar das problemáticas sociais”, alertou.

Sem querer tecer grandes comentários, o deputado do PTP, José Manuel Coelho, comparou a entrevista de Alberto João Jardim com o conto popular intitulado ‘O Rei vai nu’. “Esse é o único comentário que tenho de fazer à entrevista do dr. Jardim: – o rei vai nu. A gente chama doutor, mas ele não é doutor nenhum, ele é apenas um licenciado que nunca estagiou para advogado”, apontou.

Por sua vez, Rubina Sequeira, do PND, e Edgar Silva, da CDU, ‘confessaram’ ao Cidade Net que não assistiram à entrevista de Alberto João Jardim.

O Cidade Net tentou contactar o deputado do PAN, Rui Almeida, para ouvir a sua opinião sobre o assunto. Todavia, as nossas tentativas não foram bem sucedidas.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”] [fbshare type=”button”] [twitter style=”vertical” float=”left”]

Pin It on Pinterest