MPT defende renegociação do ‘Plano de Resgate’

O partido recebeu esta manhã o Movimento Madeira-Autonomia, os quais em conjunto abordaram a questão do Plano de Ajustamento Económico e Financeiro da Região.

No final do encontro, João Isidoro defendeu a necessidade da renegociação do referido plano assinado, no início do ano, entre o Governo Regional e o Governo da República.

“Defendemos o alargamento do prazo de pagamento do empréstimo à Região, a diminuição dos juros, bem com o aumento da verba a emprestar por parte do Estado à Região, pois consideramos que é incompatível a situação financeira da Madeira com aquilo que está acordado”, frisou o dirigente do MPT.

João Isidoro salientou, também, que o Partido da Terra “comunga das preocupações” do Movimento Madeira-Autonomia, referindo que o seu partido “defendeu, desde a primeira hora, que o Plano Económico e Financeiro da Região não era exequível”.

Assim, “O MPT manifestou disponibilidade ao Movimento Madeira-Autonomia para, no âmbito da Assembleia Legislativa, encontrar o máximo de consenso numa proposta a enviar ao Governo da República, no sentido de que o plano de resgate seja renegociado de forma mais favorável para a Região”, concluiu o dirigente do MPT.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”] [fbshare type=”button”] [twitter style=”vertical” float=”left”]

Pin It on Pinterest