Férias Divertidas custaram 50 mil euros

A Associação de Desenvolvimento Comunitário do Funchal sente mais dificuldades para organizar as atividades.

A Associação de Desenvolvimento Comunitário do Funchal realizou hoje, no auditório do Jardim Municipal, a festa do projeto “Férias Divertidas”, subordinada ao tema “Hollywood”.

Ricardo Silva, responsável pela associação, observou que é cada vez mais complicado organizar as atividades. “As férias são sempre difíceis de organizar do ponto de vista financeiro. Ainda nos falta angariar 15 mil euros para pagar as despesas da festa, mas temos esperança que vamos conseguir. Estamos a vender rifas e pedras do calhau e acreditamos que não vamos entrar no próximo ano com dívidas”.

A Associação de Desenvolvimento Comunitário do Funchal foi também obrigada a encurtar as Férias Divertidas e o número de jovens participantes, por causa dos constrangimentos financeiros. Ainda assim, no final, fica um balanço muito positivo, sobretudo pelo apoio de várias entidades públicas e privadas e das dezenas de voluntários.

“Este ano tivemos 220 crianças a participar, mas tínhamos cerca de 300 inscrições. Para nós é sempre dramático quando não conseguimos receber todos aqueles que nos procuram”, apontou Ricardo Silva.

Ao longo de toda a tarde no Jardim Municipal, cerca de 250 crianças e os seus monitores vão cantar, danças e encenar temas que foram destaque do cinema ao longo dos anos. Até ao final do mês vão decorrer outras atividades culturais e desportivas, num projeto orçamentado em 50 mil euros.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”] [fbshare type=”button”]

Pin It on Pinterest