Mercado automóvel continua a cair

Em agosto de 2012 o mercado de automóveis ligeiros de passageiros registou uma nova queda que se situou em 33,1%, tendo sido comercializados 5.443 veículos.

A variação homóloga em causa é inferior à variação homóloga acumulada (-40,4%) o que poderia indiciar uma evolução menos desfavorável no mês de agosto. Contudo, o facto de o mercado ter apresentado uma evolução fortemente negativa desde junho de 2011, tem conduzido a quedas homólogas mensais menos acentuadas no segundo semestre de 2012.

Em termos acumulados, período acumulado de janeiro a agosto de 2012, as vendas de automóveis ligeiros de passageiros situaram-se nas 68.103 unidades, o que corresponde a uma queda de 40,4% relativamente ao período homólogo de 2011.

É de salientar que a queda de receita do ISV é de 45,1%, até julho, o que é resultado da desastrosa política fiscal sobre o automóvel que foi introduzida com o Orçamento do Estado para 2012. Esta situação coloca em sérias dificuldades às empresas do sector e traduz-se numa significativa perda de receitas para o Estado.

Quanto à vendas de veículos comerciais ligeiros, verificou-se no mês de agosto de 2012 uma queda muito acentuada de 58,2%, o que corresponde a apenas 785 unidades comercializadas. Nos primeiros oito meses do ano de 2012, o mercado situou-se nas 9.704 unidades, tendo registado uma forte contração de 55,2% face ao período homólogo do ano anterior.

No que diz respeito ao mercado de veículos pesados de passageiros e de mercadorias, verificou-se em agosto de 2012 uma queda de 34,1%, tendo sido vendidos apenas 122 veículos. Já no período acumulado de janeiro a agosto de 2012 as vendas não ultrapassaram as 1.302 unidades, tendo-se verificado uma queda do mercado de 42,9% relativamente ao período homólogo do ano anterior.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”] [fbshare type=”button”] [twitter style=”vertical” float=”left”]

Pin It on Pinterest