“Madeira a Sorrir” chega a cerca de 6 mil crianças do 1.º Ciclo

Todas as escolas do 1.º Ciclo serão abrangidas pelo novo Programa Regional de Saúde Oral “Madeira a Sorrir”.

Os secretários regionais da Saúde e de Educação, João Faria Nunes e Jorge Carvalho, respetivamente, participaram, ontem, na apresentação oficial do novo Programa Regional de Saúde Oral “Madeira a Sorrir”, realizada na Escola Básica do 1.º Ciclo com Pré-escolar do Caniçal.

Este programa assenta no reforço das ações de prevenção e rastreio junto da população infantil e na melhoria do acesso aos tratamentos dentários, com o reforço e alargamento das consultas, nomeadamente ao Centro de Saúde de São Vicente, já disponíveis nos centros de saúde do Porto Moniz, Porto Santo e Bom Jesus (Funchal).

Na ocasião, Jorge Carvalho destacou o facto de o “Madeira a Sorrir” chegar a cerca de 6 mil crianças.
“Todos os alunos e todas as escolas do 1.º Ciclo serão abrangidas por este programa. A saúde oral é importante e a prevenção deve começar precisamente pelos mais novos. Com estas campanhas de sensibilização e de rastreio, às quais estão associadas outras, como da alimentação saudável, esperamos criar nas crianças comportamentos que produzirão efeitos futuros, ou seja, termos adultos mais saudáveis”, salientou.

Por sua vez, o secretário regional da Saúde realçou que a Madeira “é a única região do país que garante este nível de acesso à medicina dentária no serviço público de saúde”, relembrando também que “a Região através de um regime convencionado garante aos utentes o acesso a consultas de medicina dentária no privado comparticipadas”.

Pin It on Pinterest