Ministro destaca “melhores salários e mais emprego”

O ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, afirmou esta sexta-feira que os números sobre o Índice de Custo do Trabalho (ICT), divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), “mostram que é possível ter melhores salários e mais emprego em Portugal”.

É isso que está a acontecer, estamos a ter um aumento do emprego, de 90 mil postos de trabalho desde o início do ano, uma boa redução do desemprego e os salários estão a subir, e isso só mostra que a competitividade em Portugal faz-se pela qualidade dos nossos trabalhadores, faz-se pela melhoria das condições das empresas, faz-se pelo apoio às empresas que querem investir, não se faz pelos baixos salários”, disse Caldeira Cabral, no Porto, à margem da inauguração das novas instalações da Blip, empresa tecnológica da área do ‘software’ para a Internet e telemóveis.

O Instituto Nacional de Estatística (INE) divulgou esta sexta-feira o ICT aumentou 3,6% no terceiro trimestre deste ano, face ao trimestre de 2015, com um acréscimo de 3,9% nos salários e 2,6% nos outros custos.

Este indicador de curto prazo integra os custos do trabalho suportados pela entidade empregadora (salários, subsídios e prémios de desempenho, bem como prestações para a Segurança Social, entre outros custos) e considera também o número de horas efectivamente trabalhadas por trabalhador.

Pin It on Pinterest