Professores poderão passar a segunda reserva de recrutamento para ficarem perto de casa

Os docentes de Quadros de Agrupamento (QA) que não conseguirem aproximação à sua residência poderão continuar em concurso até segunda reserva de recrutamento. A proposta apresentada hoje, 21 de dezembro, pelo SIPE em reunião com o Ministério da Educação (ME) foi «bem acolhida pela Tutela», refere Júlia Azevedo, presidente do SIPE, admitindo a hipótese da mesma vir a integrar nova proposta de diploma, juntamente com «a possibilidade dos docentes virem a exercer temporariamente funções noutro grupo de recrutamento para o qual possuam habilitação profissional». A líder sindical considera que «a proposta apresentada hoje pelo ME foi um retrocesso em relação ao decreto anterior em quase todos os aspetos, e obrigou-nos a reivindicar novas alterações, de que não podemos prescindir».

Júlia Azevedo explica que «esta nova proposta do Ministério da Educação assenta nos mesmos princípios da proposta anterior, os quais desprezam a colocação por graduação profissional em todos os momentos do concurso, tal como o SIPE defende». A presidente do SIPE mostrou-se no entanto expectante por existirem «alguns aspetos positivos» demonstrados durante a reunião, e no que respeita à colocação por graduação refere que «a Tutela ficou de analisar a possibilidade de garantir a colocação por graduação profissional na mobilidade interna entre os Quadros de Zona Pedagógica (QZP) e os QA».

Pin It on Pinterest