Governo congratula-se com a desconvocatória da greve nos aeroportos

A Secretaria Regional da Economia, Turismo e Cultura congratula-se com a desconvocação da greve prevista para estes dias, mais concretamente entre o dia de hoje e o próximo dia 30 de dezembro, a cargo dos trabalhadores das áreas da assistência em terra e da segurança, nos Aeroportos nacionais. Uma greve que afetaria, gravemente, a funcionalidade dos Aeroportos da RAM, numa altura em que a procura se manifesta elevada.

“Esta é uma excelente notícia que vai ao encontro do que a Região defendeu, desde o primeiro momento, junto do Governo da República e dos Sindicatos envolvidos”, sublinha Eduardo Jesus, para quem este desfecho demonstra “bom senso e capacidade de entendimento em prol do interesse público e, neste caso concreto, dos passageiros que iriam viajar nestes dias e dos destinos que viriam a ser altamente prejudicados na sua imagem e na sua capacidade de resposta, caso não fosse encontrada uma solução”.

Recorde-se que depois de intervir, numa primeira fase, sensibilizando cada um dos intervenientes nesta paralisação, o governante veio a público manifestar-se totalmente contra os serviços mínimos que haviam sido fixados, considerando-os totalmente insuficientes para fazer face à procura.

Perante este desfecho, o governante reitera a sua satisfação, salientando que, agora sim “estão reunidas as condições para que possamos receber, da melhor forma, todos os que, nesta semana, se desloquem ao nosso arquipélago, dando-lhes uma resposta de qualidade que seria posta em causa, caso esta paralisação avançasse”

Pin It on Pinterest