Azores Wine Company recebe prémio Produtor Revelação do Ano 2016

A Azores Wine Company foi considerada o Produtor Revelação do Ano 2016 pela Revista Wine – a Essência do Vinho! Segundo esta publicação, os vinhos da Azores Wine Company são de grande qualidade e a empresa “representa uma relevante lufada de ar fresco nos vinhos do arquipélago (…). Num ápice, Maçanita teve o condão de colocar entendidos do vinho a comentar os vinhos e as castas dos Açores”. Para a atribuição do prémio não foi esquecido o trabalho em curso de recuperação das vinhas e aposta num novo espaço de produção e enoturismo.

A Revista Wine dá também destaque ao reconhecimento internacional que os vinhos da Azores Wine Company têm tido por parte de publicações influentes no mundo como a Wine Advocate de Robert Parker, que colocou a empresa açoriana como o único produtor português com três vinhos brancos numa posição de excelência.

A Revista Wine – A Essência do Vinho é a quarta publicação mundial especializada em vinho com maior número de seguidores nas redes sociais, alcançando em 2016 mais de 16 milhões de pessoas com a totalidade das suas publicações. No ano que agora terminou, mais de 600.000 pessoas participaram 26 eventos produzidos em Portugal e em 120 ações realizada em 30 cidades de uma dezena de países.

Na habitual gala anual, a Revista Wine premiou os Melhores do Ano 2016, em várias categorias entre vinhos e gastronomia. A Azores Wine Company foi o vencedor de entre os quatro nomeados para a categoria de Produtor Revelação. Da lista constavam respeitados projetos com notoriedade em Portugal como Vicentino Wines, com consultoria de Bernardo Cabral; vinhos Druida, um projeto de Nuno do Ó; e os vinhos Popa, dos irmãos Stephane e Vanessa Ferreira.

Descrito como “um dos mais inquietos” enólogos portugueses, António Maçanita fundou em 2014 a Azores Wine Company em conjunto com Paulo Machado e Filipe Rocha. Desde então a trabalho desenvolvido nos Açores tem dado uma enorme notoriedade aos vinhos dos Açores não só em Portugal como também em vários países da europa, bem como nos EUA e Canadá.

António Maçanita e a Azores Wine Company têm feito um trabalho “muito importante na preservação e divulgação das castas indígenas e exclusivas dos Açores, dando provas do enorme potencial das castas açorianas e do Terroir Açorianos na produção de vinhos brancos de excepçã”o.

Recorde-se que recentemente a Azores Wine Company foi distinguida com o prémio “Projeto do Ano” na Revista “100 Maiores Empresas dos Açores” e os seus sócios-fundadores António Maçanita, Filipe Rocha e Paulo Machado considerados pela mesma publicação os “Empreendedores do Ano”.

António Maçanita foi também recentemente distinguido pela Revista Paixão pelo Vinho como o “enólogo Geração XXI”, numa gala única de celebração dos 10 anos desta publicação.

Pin It on Pinterest