Facebook foi condenado a pagar 500 milhões

O Facebook foi condenado a pagar pelo Tribunal de Dallas, no estado norte-americano do Texas (EUA), 500 milhões de dólares pelo roubo de propriedade intelectual.

A queixa partiu da ZeniMax Media Inc., uma empresa norte-americana que detém alguns dos estúdios de videojogos mais influentes da actualidade. Em causa está o desenvolvimento dos óculos de realidade virtual Rift.

De acordo com a ZeniMax, a Oculus, empresa adquirida em 2014 pelo Facebook, apoderou-se ilegalmente de propriedade intelectual que pertencia aos seus estúdios e depois usou essa tecnologia no desenvolvimento de um protótipo de óculos de realidade virtual.

A justiça norte-americana concluiu que a Oculus utilizou um código confidencial da id Software para lançar o protótipo. Após a divulgação da sentença, a Oculus expressou-se “desapontada com a decisão”. O Facebook ainda não comentou a decisão do tribunal.

Pin It on Pinterest