900 mil euros de investimento nos bairros sociais do Funchal

A Câmara Municipal do Funchal concluiu esta semana o último conjunto de obras nos bairros sociais do concelho lançado no ano de 2016, um valor de 60 mil euros destinado, sobretudo, a reparações de casas cujo fim é a habitação social. Os conjuntos habitacionais agora intervencionados localizam-se no Palheiro Ferreiro, no Canto do Muro I e II, nas Romeiras, no Bairro de Santa Maria, em Santo Amaro, na Quinta Falcão, nas Romeiras, na Quinta Josefina e nas Cruzes.

“Tratam-se de investimentos constantes e intencionais, para se manter a qualidade habitacional nos vários empreendimentos sociais da CMF, geridos pela empresa municipal SocioHabitaFunchal. Não importa apenas construir novo, mas necessariamente cuidar do que já existe e garantir as melhores condições de habitabilidade possíveis aos utentes dos nossos bairros. Essa é uma preocupação que conservámos desde o início do mandato”, explica Madalena Nunes, Vereadora com o pelouro sobre a Habitação Social do Município.

Desde 2013, a Autarquia liderada por Paulo Cafôfo já investiu cerca de 900 mil euros nas mais diversas intervenções de beneficiação nos bairros camarários do Funchal. O projeto Amianto Zero, que vai erradicar o amianto ainda existente no parque habitacional do Município, com a construção de 66 novos fogos, em três bairros sociais diferentes, é o desafio que se segue, no investimento global que ascende a 5 milhões de euros.

“Esta é mais uma aposta no combate à desigualdade e na promoção da qualidade de vida da população carenciada, que já foi protegida pela CMF em termos habitacionais. Tão importante como as obras, é o facto de este investimento realizar-se a par de todo um trabalho pedagógico e social na área da literacia financeira, da gestão alimentar, da empregabilidade, e da educação formal e não formal, cujo derradeiro objetivo é uma melhor e maior inclusão social”, vincou Madalena Nunes.

Pin It on Pinterest