“Não terei tempo suficiente para gastar o que vou ganhar na China”

Manuel Pellegrini está entusiasmado com o desafio que lhe foi lançado pelo Hebei China Fortune, clube que participa na Liga chinesa de futebol.
“Foram buscar-me ao Chile de forma muito convicta e senti-me motivado pelo projecto do clube. Não tinha nenhum clube europeu interessado, por isso, decidi vir”, explicou o treinador chileno de 63 anos, em entrevista ao diário espanhol Marca. “Tenho a sorte de ser bem pago, mas se cumprir o contrato não terei tempo suficiente para gastar o que vou ganhar na China.”

Pin It on Pinterest