Polícia Judiciária efetua detenção por incêndio em meio urbano

A Polícia Judiciária, através da Diretoria de Lisboa e Vale do Tejo, identificou e deteve um homem, de 41 anos de idade, por fortes indícios da prática de um crime de incêndio.

Os factos delituosos ocorreram na passada noite de sábado, quando o presumível autor, aparentemente por razões fúteis, provocou o incêndio na sua própria residência, da qual é arrendatário.

A pronta intervenção dos bombeiros impediu que o sinistro revestisse consequências mais graves, nomeadamente o alastramento a outras habitações.

O detido vai ser presente a primeiro interrogatório judicial, no qual será sujeito à aplicação das medidas de coação processual adequadas.

Pin It on Pinterest