Professor será “sempre fundamental” no processo de ensino-aprendizagem

O Secretário Regional de Educação manifestou a convicção de que o professor será sempre fundamental no processo de ensino-aprendizagem. Jorge Carvalho falava na abertura do seminário “Salas de Aula do Futuro: Desafios e Oportunidades”, que teve início ontem na Universidade da Madeira.

«Temos um enorme desafio que é procurar “casar” o interesse dos alunos, o acesso e a disponibilidade de ferramentas tecnológicas, e a capacidade dos professores em criar estes espaços efetivos de aprendizagem. É um desafio significativo que só a componente tecnológica “per si” não resolve. Não chega disponibilizar as novas tecnologias, é necessário que alguém oriente e coordene a forma como vamos tirar partido delas. Sem os professores não conseguimos essa mudança, não conseguimos alterar o paradigma», enfatizou Jorge Carvalho.

«Acreditamos que este seminário permitirá desenvolver condições para que muitos dos nossos professores possam criar conhecimento acrescido e tornar o seu desempenho mais eficiente, rumo àquilo que todos nós pretendemos: o sucesso dos nossos alunos, através do qual garantimos uma sociedade mais competente e capaz», perspetivou.

Para o Secretário Regional, as salas de aula do futuro, sob o ponto de vista tecnológico, é algo já presente. «Esse futuro será apenas o enquadramento que lhe quisermos dar. Os nossos alunos hoje beneficiam dessa tecnologia, usufruem de forma muito eficiente da mesma; o que é necessário é encontrarmos os mecanismos e as metodologias para que esse acesso à informação possa efetivamente ser eficaz e eficiente no processo ensino-aprendizagem», concluiu Jorge Carvalho.

Pin It on Pinterest