Condutor de Times Square foi acusado de homicídio

O condutor do carro que ontem entrou a grande velocidade numa zona pedonal de Times Square, em Nova Iorque, matando uma pessoa e ferindo outras duas dezenas, foi acusado de homicídio.

A polícia de Nova Iorque informou hoje que Richard Rojas, de 26 anos, foi acusado na quinta-feira à noite de homicídio em segundo grau (intencional, mas não premeditado), de 20 tentativas de homicídio e de homicídio por atropelamento agravado.

Rojas, oriundo do bairro nova-iorquino Bronx, foi detido depois de ter conduzido o seu carro durante três quarteirões em Times Square, em pleno centro de Nova Iorque, e de ter atingido mais de duas dezenas de transeuntes que estavam num passeio desta zona muito movimentada da cidade.

O condutor, um veterano da marinha norte-americana que foi dispensado após problemas disciplinares, será hoje formalmente acusado. Não foi divulgado se Richard Rojas será acompanhado por um advogado.

Informações divulgadas pelos ‘media’ indicaram que o homem confessou à polícia que estava “a ouvir vozes” na altura do incidente.

Condutor de Times Square foi acusado de homicídio
Classificar este artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

X

Pin It on Pinterest

X