Funchal vai “Projetar o Futuro”

A Câmara Municipal do Funchal vai dinamizar, a partir de amanhã, um plano de sessões temáticas sobre a cidade, na antecâmara do Período de Discussão Pública do Novo Plano Diretor Municipal do Funchal, que terá a duração de três meses, tal como já foi anunciado.

Nesta fase, o que a Autarquia liderada por Paulo Cafôfo decidiu foi antecipar este processo com um ciclo de cinco conferências, denominadas “Projetar o Futuro”, e que vão abordar temas estruturantes para a cidade, no âmbito do novo PDM, com o intuito de investir no esclarecimento da população e de contribuir para uma fase de Discussão Pública ainda mais rica e bem preparada.

A primeira conferência terá lugar esta terça-feira, dia 23 de maio, no Teatro Municipal Baltazar Dias, e terá como tema a Reabilitação Urbana. Seguem-se a Mobilidade, a Sustentabilidade, o Planeamento e o Turismo nas semanas seguintes.

O Presidente da Câmara Municipal do Funchal, Paulo Cafôfo, explica que “na sequência da entrega à Comissão de Acompanhamento da Proposta de Plano Diretor Municipal, a revisão do PDM do Funchal encontra-se atualmente na sua reta final. Com a emissão do parecer final da Comissão de Acompanhamento, e a sua devida aprovação em Reunião de Câmara, cumpriremos, de seguida, o prometido período de Discussão Pública da revisão do PDM.”

Paulo Cafôfo enaltece, contudo, que “antes de se iniciar a Discussão Pública, a Câmara Municipal do Funchal considerou essencial desencadear um conjunto de sessões temáticas que abrangessem vários domínios fundamentais para a cidade, incidindo diretamente sobre o seu modelo de ordenamento territorial e contribuindo para qualificar um debate que se quer estruturante para projetar o futuro do Funchal.”

O ciclo de conferências que se vai iniciar na próxima semana visa, por isso, “incentivar a participação da população e possibilitar uma reflexão sustentada sobre a cidade em torno de problemáticas absolutamente atuais, bem como do impacto destes domínios sobre a qualidade de vida da população”, preparando o caminho para a etapa mais objetiva e decisiva, que será a da Discussão Pública do novo PDM.

Paulo Cafôfo lança, por isso, o repto “a todos os funchalenses e a todos os amigos do Funchal, para que se dediquem a esta discussão, para que tragam ideias e contribuam para democratizar o conteúdo final de um documento que vai marcar o Funchal da próxima década. O que queremos provar é que a discussão de algo tão importante como um Plano Diretor Municipal pode e deve estar aberta a todos. Cabe-nos apenas criar os momentos e as ferramentas para que isso possa acontecer, e fá-lo- emos uma vez mais, num mandato que foi sempre marcado pela Participação Cívica como princípio essencial da nossa ação política.”

Pin It on Pinterest