Detenção por crime de sequestro

A Polícia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal de Braga, em cumprimento de mandado emitido pelo Ministério Público – DIAP de Guimarães, e com recurso a mecanismos de cooperação internacional, procedeu à detenção de uma mulher por presumível crime de sequestro.

A arguida terá estado em vários países, juntamente com o filho de três anos e meio, tendo tido o apoio de familiares diretos, de forma a subtrair a criança ao contato com o progenitor, em desobediência a decisão do Tribunal de Família.

A detida foi presente a interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.

Pin It on Pinterest