Hotelaria alojou dois milhões de hóspedes em Maio

A hotelaria alojou dois milhões de hóspedes em Maio, que proporcionaram 5,4 milhões de dormidas, correspondentes a um aumento de 7,9% e de 7,2% em termos homólogos, respectivamente, divulgou esta sexta-feira o Instituto Nacional de Estatística (INE). Estas evoluções foram “bastante menos expressivas que as de Abril (21,3% e 24,5%).

Por regiões, em Maio, observaram-se aumentos das dormidas na maioria das regiões, com destaque para os crescimentos no Centro (20,3%), bem como nos Açores (20,1%) e Alentejo (18,5%). As dormidas distribuíram-se,principalmente, pelo Algarve (34,7%) e Área Metropolitana de Lisboa (24,6%).

No mesmo mês, houve um acréscimo de 364,5 mil dormidas (face a igual mês do ano anterior), do qual 26,4% foi gerado pelo acréscimo de dormidas no Algarve (96,1 mil dormidas acrescidas) e 23,9% pelo Centro (87 mil dormidas adicionais).

No conjunto dos cinco primeiros meses do ano, todas as regiões apresentaram crescimentos, com realce para as evoluções dos Açores (18,1%) e Centro (15,3%).

Os mercados externos apresentaram crescimentos em todas as regiões com excepção da Madeira. Destacou-se o crescimento expressivo registado no Centro (32%) e ainda as evoluções do Alentejo (23,0%) e Açores (17,1%).

O INE refere, a este propósito, que a visita do Papa em maio terá contribuído para a evolução de alguns mercados externos, nomeadamente na região Centro.

No conjunto dos cinco primeiros meses do ano, todas as regiões apresentaram evoluções positivas no que respeita a dormidas de não residentes, salientando-se o Centro (28,1%), Norte (16,1%) e Lisboa (15,5%).

Pin It on Pinterest

Advertisment ad adsense adlogger