FENPROF analisa início de ano escolar

No início de mais um ano escolar, persistem problemas no processo de colocação de professores e a falta de respostas por parte do Ministério da Educação a muitas das reivindicações dos docentes. Como a FENPROF tem vindo a afirmar, após (mais) um ano de estagnação, não é possível adiar (mais) a resolução dos problemas.

Para analisar este início de ano escolar e sublinhar as reivindicações e necessidades dos docentes da Escola Pública, o Secretariado Nacional da FENPROF promove uma conferência de imprensa, hoje, a partir das 11h30 (Rua Fialho de Almeida, 3 – Lisboa) na qual se fará uma análise ao processo de colocação de docentes ainda em curso (situação nas escolas, número de professores colocados, nível do desemprego, horários-zero, injustiças e outros problemas mal resolvidos) e também divulgadas as prioridades para a ação e luta dos professores neste início de mais um ano.

A FENPROF irá analisar os números e a estatística atualizada e mais completa deste processo, identificando as situações de maior gravidade e apresentando propostas com vista a resolver e/ou atenuar alguns destes problemas.

Pin It on Pinterest