Mau tempo na Madeira: vento forte, agitação marítima e baixa da temperatura

Segundo informação do Serviço regional de Proteção Civil IP-RAM, de acordo com os contactos efetuados entre o Comando Regional de Operações de Socorro e o IPMA, prevê-se que associado à aproximação e passagem de uma superfície frontal fria durante a tarde do dia 5 (sexta-feira) e à influência conjunta do Anticiclone dos Açores, centrado a oeste do Arquipélago dos Açores e de uma vasta depressão centrada nas Ilhas Britânicas, a partir do início da tarde do dia 5 (sexta-feira), períodos de chuva durante a tarde e precipitação em regime de aguaceiros até ao fim do dia 7 (domingo), mais significativos nas regiões montanhosas.

Nesta situação, entre o fim da tarde do dia 5 (sexta-feira) e o fim do dia 7 (domingo), estará associado vento de noroeste o oeste, moderado (20 a 35 km/h) nas regiões costeiras da costa sul da ilha da Madeira, forte (30 a 45 km/h) na costa norte da ilha da Madeira e em Porto Santo e temporariamente muito forte (45 a 60 km/h) nas regiões montanhosas. Associado ao vento forte, o mar deverá apresentar-se muito agitado. Na costa norte da ilha da Madeira e em Porto Santo, a altura significativa poderá atingir os 7 m às 00 UTC do dia 7 (domingo), sendo o período crítico entre o início da manhã do dia 6 (sábado) e o fim da tarde do dia 7 (domingo). Na parte oeste da costa sul da ilha Madeira, no período mais crítico, a altura significativa das ondas poderá atingir os 4 a 5 m.

Nesta situação prevê-se ainda uma invasão de ar polar marítimo pelo que as temperaturas máximas deverão baixar para valores da ordem dos 18 a 19 °C e as mínimas para 13 a 14 °C (Funchal).

Nas regiões montanhosas, acima do 1400/1500m, as temperaturas mínimas deverão cair abaixo dos 0 °C e a precipitação será na forma de neve nos dias 6 (sábado) e 7 (domingo). A partir do dia 8 (segunda-feira) prevê-se uma subida das temperaturas máximas e mínimas da ordem dos 2 a 4 °C.

Pin It on Pinterest