Paulo Cafôfo esteve nos complexos balneares para se inteirar “in loco” da situação

O Presidente da Câmara Municipal do Funchal, Paulo Cafôfo, acompanhou, esta manhã, no terreno, a resposta dos serviços municipais ao alerta de mau tempo atualmente em vigor no concelho, ao lado do Vereador com tutela da Proteção Civil Municipal, João Pedro Vieira. A manhã começou com um briefing no Quartel dos Bombeiros Sapadores do Funchal, com o Diretor da Proteção Civil Municipal, Rui Figueira, seguida de uma visita aos quatro complexos balneares da Autarquia e à Praia Formosa, que também contou com a presença do administrador da Frente MarFunchal, Nelson Abreu.

Paulo Cafôfo refere que “tem estado a acompanhar a evolução das condições meteorológicas adversas e as ocorrências que necessitam de intervenção da Câmara Municipal do Funchal. Depois da reunião no Quartel dos Bombeiros Sapadores, em que também participaram os Bombeiros Voluntários Madeirenses, segui para o terreno, onde constatei o excelente trabalho que está a ser realizado pela equipa da Empresa Municipal Frente MarFunchal, bem como a ação meritória da Policia Marítima.”

O Presidente aproveitou a oportunidade para endereçar “a todas as forças de segurança e entidades que estão nas operações, o meu muito obrigado” e pediu, uma vez mais, à população para “que siga as recomendações da Proteção Civil Municipal e Regional e para que não desafie a natureza. Continuaremos a acompanhar a situação de modo a garantir a segurança de todos.”

A Câmara Municipal do Funchal informou, ao fim da manhã, que as duas Corporações de Bombeiros do Funchal responderam, até às 12 horas, a uma dezena de ocorrências, relacionadas com o estado do tempo, nomeadamente queda de árvores, queda de estruturas (placas publicitárias) e pequenas inundações.

Encontram-se encerradas, neste momento, a Rua da Casa da Luz, a Estrada da Corujeira e o Caminho dos Pretos, entre o Curral dos Romeiros e o Terreiro da Luta, além do Parque Ecológico do Funchal, do Parque de Santa Catarina e de todos os complexos balneares do concelho.

Esta tarde também já foi interditada toda a zona da Praia Formosa, incluindo o passeio marítimo, os parques de estacionamento e a estrada de acesso à praia, e o troço em frente ao Hotel Porto Santa Maria, até ao Forte de São Tiago, encontra-se igualmente fechado.

Ambas as Corporações de Bombeiros do Funchal continuam a fazer o patrulhamento regular da zona costeira e das zonas altas do concelho, de forma preventiva. A Autarquia

recomenda a toda a população que evite, ao longo do dia, as zonas montanhosas e a orla costeira.

 

Pin It on Pinterest