IPSS em grandes dificuldades

O MPT exige que o Governo Regional reponha as verbas que tem em dívida para com as IPSS.

“Fala-se  em atrasos de pagamentos no Centro da Sagrada Família, na Casa de Saúde Câmara Pestana e na Casa de Saúde São João de Deus. Trata-se de instituições que muito têm dado, ao longo de décadas. à Região e aos madeirenses e que hoje confrontam-se com problemas monetários”, denunciou Roberto Vieira, esta manhã em conferência de imprensa.

O dirigente e deputado do MPT refere mesmo que as referidas Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) enfrentam grandes dificuldades  no que se refere à realização das suas atividades e ao pagamento dos salários dos seus trabalhadores.

“O Governo Regional, através da Secretaria Regional dos Assuntos Sociais, é o único responsável por esta situação, pois não está a cumprir com o que prometeu, ou seja, não está a pagar a tempo e horas”, acusou Roberto Vieira.

O dirigente do MPT considera ainda que a referida situação irá piorar nos próximos tempos, sendo que algumas IPSS já ponderam em realizar despedimentos.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”] [fbshare type=”button”] [twitter style=”vertical” float=”left”]

Pin It on Pinterest